Autopilot e Capacidade de condução autónoma total

O Autopilot é um sistema avançado de assistência ao condutor que aumenta a segurança e a conveniência ao volante. Quando devidamente utilizado, o Autopilot reduz o volume de trabalho global do condutor. Todos os novos veículos Tesla estão equipados com oito câmaras externas e um potente processamento de visão para proporcionar uma camada adicional de segurança. O Model 3 e o Model Y construídos para os mercados da Europa e do Médio Oriente utilizarão agora a nossa Tesla Vision baseada em câmaras, não estando equipados com radar. Em vez disso, dependem do avançado conjunto de câmaras e do processamento de rede neuronal da Tesla para disponibilizar o Autopilot e as funcionalidades relacionadas.

O Autopilot está equipado de série em todos os novos Tesla. Para os proprietários que receberam os seus carros sem Autopilot, encontram-se disponíveis dois pacotes de Autopilot, consoante a data de construção do seu carro: Autopilot Aperfeiçoado e Capacidade de condução autónoma total.

O Autopilot, o Autopilot Aperfeiçoado e a Capacidade de condução autónoma total destinam-se a ser utilizados por um condutor totalmente atento, com as mãos no volante e preparado para assumir o controlo a qualquer momento. Embora estas funcionalidades tenham sido concebidas para se tornarem mais capazes ao longo do tempo, as funcionalidades atualmente ativadas não tornam o veículo autónomo.

  • Funcionalidades de Autopilot e Capacidade de condução autónoma total
  • Utilizar o Autopilot e a Capacidade de condução automática total
  • Funcionalidades de segurança ativa
  • Perguntas frequentes


  • Funcionalidades de Autopilot e Capacidade de condução autónoma total

    O Autopilot é um conjunto de funcionalidades de assistência ao condutor equipado de série com a aquisição de um carro novo ou passível de aquisição após a entrega, e confere novas funcionalidades ao seu Tesla, que tornam a condução mais segura e menos desgastante. Os pacotes disponíveis incluem:

    Autopilot

    • Cruise Control Adaptativo: adapta a velocidade do veículo à do trânsito circundante
    • Direção Automática: assiste a direção dentro de uma faixa marcada claramente e utiliza o Cruise Control Adaptativo

    Autopilot Aperfeiçoado

    • Mudança Automática de Faixa: assiste na mudança para uma faixa adjacente na autoestrada, aquando da ativação do indicador pelo condutor
    • Navegar em Autopilot (Beta): melhora ativamente a Mudança Automática de Faixa orientando o condutor da rampa de acesso à rampa de saída na autoestrada, incluindo sugestões de mudanças de faixa e navegação em interligações
    • Estacionamento Automático: ajuda ao estacionamento do veículo em paralelo ou perpendicular com um toque
    • Summon: coloca e retira o seu veículo de um espaço apertado utilizando a aplicação para telemóvel
    • Smart Summon: o seu veículo é capaz de circular em ambientes e espaços de estacionamento mais complexos, contornando quaisquer objetos, e fazendo o necessário para o encontrar num parque de estacionamento na sua proximidade.

    Capacidade de condução autónoma total

    • Todas as funcionalidades do Autopilot Básico e Autopilot Aperfeiçoado
    • Controlo dos Semáforos e Sinais Stop (Beta): identifica os sinais de stop e os semáforos e abranda o veículo até parar numa aproximação, com a sua supervisão ativa.
    • Brevemente:
      • Autosteer em estradas de cidade

    As funcionalidades atuais de Autopilot, Autopilot Aperfeiçoado e Condução autónoma total requerem uma supervisão ativa do condutor e não tornam o veículo autónomo. A autonomia total depende da obtenção de uma fiabilidade extremamente superior à de condutores humanos, conforme demonstrado por vários milhares de milhas de experiência, bem como aprovação legal, o que poderá ser mais demorado em determinadas jurisdições. À medida que as funcionalidades de Autopilot, Autopilot Aperfeiçoado e Capacidades de condução autónoma total evoluem, o seu carro será continuamente atualizado através de atualizações de software automáticas.



    Utilizar o Autopilot e a Capacidade de condução automática total

    Antes de utilizar o Autopilot, leia o manual do proprietário para obter instruções e mais informações sobre segurança. Durante a utilização do Autopilot, é da sua responsabilidade permanecer alerta, manter sempre as mãos no volante e manter o controlo do veículo. Muitas das funcionalidades do Autopilot, como a Direção Automática, Navegar em Autopilot e Summon, estão desativadas por predefinição. Para ativá-las, aceda ao menu de controlos do Autopilot no separador Settings e ative-as.

    Antes de ativar o Autopilot, o condutor tem de concordar em "manter sempre as mãos no volante" e em "manter o controlo do veículo e a responsabilidade pelo mesmo". Posteriormente, sempre que o condutor ativa o Autopilot, é apresentado um lembrete visual para "manter as mãos no volante".

    Cruise Control Adaptativo
    Para ativar o Cruise Control Adaptativo no Model S e Model X, puxe uma vez na sua direção o manípulo do Controlo da velocidade de cruzeiro à esquerda da coluna da direção. No Model 3 e no Model Y, puxe para baixo uma vez a alavanca das mudanças à direita da coluna de direção.

    Direção automática
    Para ativar a Direção Automática no Model S e no Model X, puxe duas vezes para si o manípulo do controlo da velocidade de cruzeiro à esquerda da coluna da direção. No Model 3 e no Model Y, puxe para baixo duas vezes a alavanca das mudanças à direita da coluna de direção. Quando o sistema está disponível para ativação, é apresentado no ecrã um ícone de volante cinzento, junto ao velocímetro. Quando a Direção Automática está ativada, é apresentado no ecrã um ícone de volante azul, junto ao velocímetro.

    Quando a Direção Automática está a ser utilizada, mede o valor de binário aplicado no volante e, se for aplicado binário insuficiente, uma série crescente de alertas sonoros e visuais lembra-o novamente de colocar as mãos no volante. Isto ajuda a garantir que está atento e pratica bons hábitos de condução. Se ignorar repetidamente estes avisos, será impedido de utilizar o Autopilot durante o resto da viagem.

    Mudança de faixa automática
    Para iniciar uma mudança de faixa assistida, a direção automática deve estar ativa e o condutor tem de estar a segurar o volante. A mudança de faixa assistida tem de ser confirmada pelo condutor através do acionamento do indicador na direção para a qual pretende deslocar-se.

    Navegar em Autopilot
    A funcionalidade Navegar em Autopilot foi concebida para o levar ao seu destino de forma mais eficiente, guiando-o ativamente da rampa de acesso à rampa de saída, incluindo a sugestão de mudanças de faixa, a navegação em interligações de autoestradas e assistência nas saídas. Foi concebida para tornar ainda mais fácil encontrar e seguir o caminho mais eficiente até ao seu destino quando o Autopilot está a ser utilizado na autoestrada.

    Para ativar esta funcionalidade, tem primeiro de ativar a Direção Automática acedendo a Controlos > Autopilot > Autosteer e, em seguida, ativar a funcionalidade Navegar em Autopilot. Será necessária a calibração da câmara e a versão mais recente dos mapas de navegação tem de ser transferida por Wi-Fi.

    Para cada trajeto em que a funcionalidade Navegar em Autopilot esteja disponível, existe a opção de a ativar premindo o botão NAVIGATE ON AUTOPILOT situado na sua lista de curvas de navegação. Também pode ativar a funcionalidade Navegar em Autopilot sempre que um destino for introduzido e o Autopilot estiver ativado, ajustando as definições de Navegar em Autopilot em Controlos > Autopilot > Customizar Navegar em Autopilot.

    No Model 3 e no Model Y, a funcionalidade Navegar em Autopilot pode ser ativada na maioria das autoestradas movendo duas vezes a alavanca das mudanças para baixo numa sequência rápida.

    No Model S e no Model X, a funcionalidade Navegar em Autopilot pode ser ativada na maioria das autoestradas puxando para si o manípulo de controlo da velocidade de cruzeiro duas vezes numa sequência rápida.

    Estac. automático
    Se o seu carro encontrar um lugar de estacionamento, um ícone "P" cinzento será apresentado no lado esquerdo ou direito do painel de instrumentos, consoante a localização do lugar. O Estacionamento Automático deteta lugares de estacionamento em paralelo quando conduz a menos de 24 km/h e locais de estacionamento perpendiculares a menos de 16 km/h.

    Para utilizar o Estacionamento automático nessa altura, carregue no travão e coloque a alavanca de mudanças na posição de marcha-atrás. Mantenha o pé no travão. "Start Autopark" será apresentado a azul no ecrã tátil – prima para iniciar a funcionalidade e solte o travão e o volante. O Estacionamento Automático começará a manobrar o veículo para o lugar de estacionamento controlando a velocidade, o engate de mudanças e o ângulo de direção. No entanto, lembre-se de estar alerta e monitorizar a vista da câmara traseira para verificar a existência de obstáculos.

    Assim que o Estacionamento Automático estiver concluído, o veículo irá informá-lo de que o estacionamento está concluído e mudará para a posição de estacionamento. Pode anular o Estacionamento Automático a qualquer momento, assumindo o controlo do volante.

    Summon
    Para utilizar o Summon, abra a aplicação Tesla. Prima "Summon" e, em seguida, mantenha premidos os botões de marcha à frente ou marcha-atrás. O Summon permite integração com o HomeLink, para abrir a porta da garagem e retirar o carro da mesma.

    Smart Summon
    O Smart Summon foi concebido para permitir que o seu carro se desloque até si ou até um local à sua escolha, efetuando as manobras necessárias e parando para evitar objetos conforme necessário, sob a sua supervisão. Tal como o Summon, o Smart Summon destina-se a ser utilizado apenas em parques de estacionamento e estradas privadas. Continua responsável pelo seu carro e tem de monitorizá-lo, bem como a área circundante, em todos os momentos dentro da sua linha de visão, dado que ele poderá não detetar todos os obstáculos. Tenha especial cuidado perto de pessoas, bicicletas e carros em rápido movimento.

    Para utilizar o Smart Summon, abra a aplicação Tesla, toque em "Summon" e, em seguida, selecione o ícone "Smart Summon". Para ativar o Smart Summon, prima continuamente o botão "COME TO ME". Alternativamente, toque no ícone de destino, defina o destino da sua escolha ajustando o mapa, e, em seguida, prima continuamente o botão "GO TO TARGET". Pode parar o movimento do seu carro a qualquer momento soltando o botão.

    O Smart Summon funciona com a sua aplicação Tesla e o GPS do seu telefone. Tem de estar a cerca de 6 metros do veículo para utilizar durante uma distância total de viagem de 20 metros. O Smart Summon funciona com a sua aplicação Tesla e o GPS do seu telefone. requer a versão mais recente da aplicação Tesla para telemóvel (3.10.0 ou posterior). Consulte o manual do proprietário para saber mais sobre esta funcionalidade.

    Controlo dos Semáforos e Sinais Stop (Beta)

    O Controlo dos Semáforos e Sinais Stop (Beta) identifica os sinais de stop e os semáforos e abranda automaticamente o veículo até parar quando se aproxima utilizando o Autopilot, com a sua supervisão ativa. Para ativar, coloque o veículo na posição de ESTACIONAMENTO e toque em Controlos > Autopilot > Controlo dos Semáforos e Sinais Stop (Beta) e, em seguida, ative o Cruise Control Adaptativo ou a Direção Automática.

    Quando o Controlo dos semáforos e sinais stop (Beta) estiver ativado, a visualização da condução apresenta os próximos semáforos, sinais de stop ou marcações rodoviárias nos cruzamentos onde o veículo tenha de parar. À medida que se aproxima de um cruzamento, mesmo que o semáforo esteja verde, o seu veículo apresenta uma linha vermelha para indicar onde o veículo irá parar, e começará a abrandar. Para continuar para além da linha de paragem, puxe o manípulo do Autopilot ou toque brevemente no pedal do acelerador para confirmar que é seguro avançar. Neste momento, o Controlo dos semáforos e sinais stop não muda a direção do veículo, quer esteja numa faixa de pré-seleção ou com o indicador de mudança de direção ligado.

    As notificações no ecrã tátil fornecerão um motivo de paragem (sinal de stop, semáforo ou cruzamento) e uma distância estimada de paragem do veículo. Se a notificação do semáforo não apresentar uma cor clara, o seu veículo não confirmou o estado de controlo do trânsito.

    Tal como acontece com todas as funcionalidades do Autopilot, tem de estar em controlo do veículo, prestar atenção ao que está à sua volta e estar a postos para agir imediatamente, o que inclui a travagem. Esta funcionalidade está na versão Beta e pode não parar em todos os controlos de trânsito. Enquanto o Controlo dos Semáforos e Sinais Stop está ativo em ruas à superfície com a Direção Automática ativada, a sua velocidade será limitada ao limite registado. Consulte o manual do proprietário para obter informações adicionais, instruções de utilização e avisos.



    Funcionalidades de segurança ativa

    As funcionalidades de segurança ativa são fornecidas de série em todos os veículos Tesla fabricados após setembro de 2014, para uma proteção elevada em todos os momentos. Estas funcionalidades são possibilitadas pelo nosso sistema de hardware e software de Autopilot e incluem:

    • Travagem de Emergência Automática: deteta veículos ou obstáculos contra os quais o veículo possa embater e aplica os travões conforme necessário
    • Alerta de Colisão Frontal: avisa sobre colisões iminentes com carros parados ou em movimento mais lento
    • Alerta de colisão lateral: avisa sobre potenciais colisões com obstáculos ao longo do carro
    • Aceleração com deteção de obstáculos: reduz a aceleração quando um obstáculo é detetado à frente do seu veículo durante a condução a baixas velocidades
    • Monitorização de ângulos mortos: avisa quando um carro ou obstáculo é detetado ao mudar de faixa
    • Correção de transposição de faixa: aplica direção corretiva para manter o carro na faixa pretendida
    • Assistente de Saída de Faixa de Emergência: direciona o carro de volta para a faixa de rodagem quando deteta que o carro está a sair da faixa de rodagem e pode haver uma colisão

    As funcionalidades de segurança ativa foram concebidas para ajudar os condutores, mas não conseguem responder em todas as situações. É da sua responsabilidade manter-se alerta, conduzir em segurança e manter sempre o controlo do seu veículo.



    Perguntas frequentes

    Todos os veículos têm Autopilot?
    Desde abril de 2019, todos os novos carros Tesla estão equipados de série com Autopilot, que inclui o Cruise Control Adaptativo e Autosteer.

    Para veículos sem o software do Autopilot, mas equipados com o hardware necessário, é possível adquirir o Autopilot, o Autopilot Aperfeiçoado ou a Capacidade de condução autónoma total a qualquer momento através da sua conta Tesla – o software necessário do Autopilot será adicionado ao seu carro.

    Posso experimentar o Autopilot antes de comprar?
    Pode experimentar o Autopilot, o Autopilot Aperfeiçoado ou a Capacidade de condução autónoma total num test drive numa das nossas lojas Tesla.

    Como posso adquirir uma atualização do Autopilot?
    Pode adquirir o Autopilot, o Autopilot Aperfeiçoado ou a Capacidade de condução autónoma total a qualquer momento através da sua conta Tesla – o software necessário do Autopilot será adicionado ao seu veículo.

    Um veículo pode ser alvo de retromontagem de hardware do Autopilot?
    Os automóveis fabricados entre setembro de 2014 e outubro de 2016 incluem hardware do Autopilot de primeira geração: uma câmara, um radar de primeira geração e sensores ultrassónicos.

    Estes veículos não são elegíveis para retromontagens no hardware do Autopilot mais recente.

    Como posso verificar que hardware do Autopilot possuo?
    Verifique a sua configuração no seu ecrã tátil. Selecione "Controls" > "Software" e confirme o tipo de computador do Autopilot. Em seguida, prima "Additional Vehicle Information".

    Como funciona o Autopilot?
    A partir de abril de 2022, o Model 3 e o Model Y construídos para os mercados da Europa e do Médio Oriente incluirão a Tesla Vision, que utiliza o avançado conjunto de câmaras e o processamento de rede neuronal da Tesla para disponibilizar o Autopilot e as funcionalidades relacionadas. Este conjunto de câmaras proporciona aos ocupantes uma perceção do que está à volta, que um condutor não teria de forma independente. Estas entradas são processadas em milissegundos por um potente computador de bordo, para ajudar a tornar a condução mais segura e tranquila.

    Continua a ser necessário prestar atenção durante a utilização do Autopilot?
    Sim. O Autopilot é um sistema prático de assistência ao condutor que se destina a ser utilizado apenas por um condutor totalmente atento. Não torna um Tesla num veículo de condução autónoma, nem torna um veículo autónomo.

    Antes de ativar o Autopilot, é necessário concordar em "manter sempre as mãos no volante" e em "manter o controlo do veículo e a responsabilidade pelo mesmo". Quando ativado, o Autopilot também apresenta vários avisos visuais e sonoros progressivos, lembrando-o de manter as mãos no volante em caso de aplicação de binário insuficiente. Se ignorar repetidamente estes avisos, será impedido de utilizar o Autopilot durante a viagem em questão.

    Pode anular qualquer uma das funcionalidades do Autopilot a qualquer altura, se conduzir, aplicar os travões ou utilizar o manípulo do Controlo da velocidade de cruzeiro para desativar.

    Quais são as limitações do Autopilot?
    O desempenho do Autopilot pode ser afetado por vários fatores, resultando na incapacidade do sistema em funcionar conforme previsto. Estes incluem, entre outros: má visibilidade (devido a chuva forte, neve, nevoeiro, etc.), luz forte (devido a faróis de veículos em aproximação, luz solar direta, etc.), lama, gelo, neve, interferência ou obstrução por objetos montados no veículo (como barras para bicicletas), obstrução causada pela aplicação excessiva de tinta ou produtos adesivos no veículo (como películas, adesivos, revestimentos de borracha, etc.), estradas estreitas, com elevada curvatura ou sinuosas, um para-choques danificado ou desalinhado e temperaturas extremamente quentes ou frias.

    Para garantir que o hardware do Autopilot consegue fornecer informações tão precisas quanto possível, mantenha as câmaras e os sensores limpos e sem obstruções ou danos. Ocasionalmente, elimine qualquer acumulação de sujidade limpando as câmaras e os sensores com um pano macio humedecido com água quente.

    Como utilizo as funcionalidades do Autopilot?
    Antes de utilizar o Autopilot, leia o manual do proprietário para obter instruções e mais informações sobre segurança. Durante a utilização das funcionalidades do Autopilot, é da sua responsabilidade permanecer alerta, conduzir com segurança e manter sempre o controlo do automóvel.

    Ativar o Autopilot nos Model S e Model X

    Ativar o Autopilot no Model 3 e Model Y

    Quanto tempo demora a calibrar o Autopilot antes de poder ativá-lo?
    Antes de poder utilizar as funcionalidades do Autopilot pela primeira vez, as câmaras têm de efetuar um processo de autocalibração. Normalmente, a calibração fica concluída após conduzir 32-40 km, mas a distância varia consoante as condições ambientais e da estrada. Entre em contacto com a Tesla se o seu veículo não tiver concluído o processo de calibração depois de ter conduzido 160 km.

    Existe deteção de ângulo morto?
    Para melhorar a segurança e aumentar a confiança ao mudar de faixa, os veículos construídos a partir de outubro de 2016 apresentarão uma faixa vermelha quando o indicador estiver ativado e for detetado um veículo ou um obstáculo na faixa alvo. Incluem a monitorização melhorada dos ângulos mortos no painel de instrumentos, que reflete o tipo de veículo no ângulo morto, complementando assim a atenção dada pelo condutor.

    Etiquetas: 

    Partilhar